A Saga de Scooby!

Rhandus Mauricio Santana ou como é conhecido no rap “Scooby” é um produtor/rapper de 25 anos de São Paulo, apesar da pouca idade já tem seu próprio estúdio, que já tem nome na cena, o Estudio No Centroque já trabalhou com alguns nomes como os de Xamã, Atentado Napalm, Baco, Thiago Elniño, entre outros. Ano passado Scooby apresentou um projeto totalmente diferente, lançando 5 mixtapes temáticas no decorrer do ano, cada uma delas representando um personagem de Dragon Ball Super.

Scooby-Mixtapes

Por mais que tivemos trabalhos semelhantes, as mixtapes que mesclam com o universo de DBS é totalmente o oposto de ‘trabalhos’ de caras como Tauz por exemplo, nelas temos um paralelo do anime com a vida real, como no caso da Green onde Scooby faz um paralelo dos namekuseijin com as pessoas negras. Por isso nessa matéria vamos comentar um pouquinho de cada uma dessas mixtapes, destacando o que tem de melhor em cada uma e mostrando a saga que foi a construção de cada uma das cinco.

Então Bora …

1- Black ( 5 faixas)

Lancada dia 1 de janeiro de 2017 e considerada por muitos como a melhor das 5 mixtapes. A Black traz um conceito bem pesado, até porque leva o nome de um dos maiores vilões ou por que não dizer o melhor vilão de DBS?

Scooby mostra toda a loucura e soberba que o vilão apresenta no anime nas letras, que são bem acidas e com criticas a sociedade bem fortes, com o tema racial em principal destaque. Podemos ver isso nas faixas um que leva o mesmo nome da mixtape e na faixa de numero quatro, Meio-dia, onde temos um alvo chamado Fernando Holiday!

Falando da produção os beats apresentados na Black são fenomenais e casam perfeitamente com a proposta da mixtape, com produções do próprio Scooby, ThePlug e 187Beats.

Tracklist:

  1. Black
  2. Nível
  3. Vomito
  4. Meio-Dia
  5. Rose

2 – Green (6 faixas)

A Green chegou em abril de 2017 e na minha opinião é a melhor das 5 mixtapes por todo contexto que ela carrega, pois ela faz um paralelo do povo namekuseijin com o povo negro. Sem duvidas é um dos projetos mais representativos do ano passado porque todos as musicas abordam o tema racial e tem boas participações como as de Young Kings, Rai Faustino, Jammal BlackPotter, Zulu Shaka, Yo e Ezzik.

A produção da Green é toda do Scooby, todos os beats foram feitos por ele e sobre as musicas que devemos destacar podemos falar que a faixa quatro namekuseijin e a faixa cinco, Blackuber, são os grandes destaques dessa mixtape.

Tracklist:

  1. Green Part. W.O.T (Prod. Scooby)
  2. Morra Freeza (Prod. Scooby)
  3. Chamas Negras Mortais (Prod. Scooby )
  4. Namekuseijin Part. Rai Faustino, BlackPotter & Zulu Shaka (Prod. Scooby)
  5. BlackUber Part. Yo & Ezzik (Prod. Scooby)
  6. Pretos a Provas de Balas Part. Young Kings (Prod. Scooby)

A proposito temos uma serie de videos só dessa mixtape, você pode conferir no nosso canal no Youtube:

3 – Red (7 faixas)

A Red vem no melhor estilo das batalhas, onde Scooby exalta o espírito de luta dos Saiyajins. Cada som trás diversas punchlines mesclando a luta diária que enfrentamos no dia a dia e nossa luta interna com nós mesmo. As faixas que podemos destacar da Red são:
A faixa três Red que conta com participação de W.O.T (YoungKings), a faixa cinco Kamehamera Aumentado 10X com o Atentado Napalm e a numero seis Mangekyou com Tom Freedom & EvoluWill.
Essas três faixas mostram perfeitamente a proposta da mixtape pois cada uma delas temos linhas absurdas e multissilábicas pesadíssimas. O trabalho conta com as participações de Jhezz, Nesh, Pierrot, W.O.T, Tom Freedom, EvoluWil, Mano Judão, Thalia Abdon, Atentado Napalm e com produções de 808 Luke, Dj Caique, DjNeew e Whell Beatz.
A versão do youtube da Red tem riscos do Dj Gio Marx dando uma cara totalmente diferente da sua versão do Spotify .

Tracklist:

  1. Punhos de Fogo (Prod. 808 Luke)
  2. Sayajin Criado na Terra Part. W.O.T. (Prod.Scooby)
  3. Red Part. W.O.T. (Prod. Akill)
  4. Mundo em Chamas Part. Jhezz, Nesh, Pierrot & W.O.T. (Prod. Dj Caique)
  5. Kamehamera Aumentado 10X Part Atentado Napalm(Prod. Whell Beatz)
  6. Mangekyou Part. Tom Freedom & EvoluWill (Prod. DjNeew)
  7. Espere o Melhor de mim Part. Mano Judão & ThaliaAbdon (Prod. Scooby)
  8. Herança (Prod.Scooby)

4 e 5 – Blue e Yellow

Chegamos as duas ultimas mixtapes Blue e Yellow. Começando pela Blue acho que ela tinha um potencial bem maior, ela não é ruim, longe disso. O tema abordado por ela é muito interessante pois fala sobre orgulho até porque é isso que Vegeta mais demonstra em Dragon Ball e nas palavras do próprio Scooby:

” A Blue fala sobre o orgulho, que às vezes é melhor deixar isso de lado pra tomar atitudes que possam vir mudar sua vida, que te façam crescer […] “

O que enfraqueceu um pouco a mixtape foram algumas participações como as de Guilherme Treeze, Duuz, entre outras… Por se tratar de um tema e personagem bem foda, acho que ela poderia ter sido aproveitada bem melhor, tanto pelo Scooby quanto pelas participações. Apesar dessa critica duas musicas se destacam nesse trabalho a faixa três Buma e a faixa seis Lagrimas de um Saiyajins que conta com participações de Alvaro Mamute, Npe, Arma Xis, Serafim, LP, Nesh e Ckhustonm. Essas duas faixas tem rimas muito interessantes e Buma é uma bonita declaração de amor. Na blue tirando a faixa quatro que tem produção do DjNeew todos os outros beats são produções do Scooby.

Tracklist Blue:

  1. Blue (Prod Scooby)
  2. Majins Feat 13Rap (Prod Scooby)
  3. Buma  (Prod Scooby)
  4. Final Flash (Prod.DjNeew)
  5. Preço do Orgulho feat Young Kings, Yannick e Élipe (Prod Scooby)
  6. Lagrimas de um Saiyajins feat Alvaro Mamute, Npe, Arma Xis, Serafim, LP, Nesh e Ckhustonm (Prod.Scooby)
  7. Azul Drama Feat Treeze, Duzz e Thalia Abdon  (Prod.Scooby)
  8. Ultimo Recurso Feat Don Diego e Fester (Prod.Scooby)

 

Falando da Yellow, é uma boa mixtape mas também ficou atrás das 3 primeiras, mas essa ficou bem melhor que a Blue e tem outro tema bem interessante a esperança:

Yellow retrata mais sobre a esperança de um futuro e pessoas que ainda não estão aqui entre nós, lutamos por elas, e consequentemente por nós, teve 2 Sons românticos que foram mais falando sobre meu relacionamento, que eh a base de tudo e toda minha luta (faixa 8 e 3) – Scooby 

O ponto positivo que a Yellow me trouxe foi a evolução do Scooby, da Black em janeiro para Yellow em dezembro com rimas mais maduras e uma evolução que vemos nas faixas três Me Guie Pelas Sombras e na faixa quatro Mirai que passa duas ótimas mensagens em cima de dois instrumentais incríveis. Yellow tem a produção de Dj Caique e Cleones e conta com participações de P.A.C mcs, W.O.T, Jay Luckee, Denis Mc, Ericon, Dj Caique, La comuna, Mestre Nago e Punnk.

Tracklist Yellow:

  1. 01 – Intro – Jay Luckee (Prod Scooby)
  2. 02 – Yellow (Prod Scooby)
  3. 03 – Me Guie pelas sombras (Prod Cleones)
  4. 04 – Mirai (Prod Scooby)
  5. 05 – Filhos de Herois  (Prod Scooby)
  6. 06 – A paz que o mundo nunca conhecera  (Prod.Scooby)
  7. 07 – Obrigado por existir (Prod. Dj Caique)
  8. 08- Vida Sagrada feat Denis Mc, Ericon, Dj Caique e W.O.T (Prod. Dj Caique)
  9. 09- Momentum Feat  Mestre Nago e Punnk (Prod.Scooby)
  10. 10- Faturo o Futuro feat La comuna (Prod.Scooby)
  11. 11- Infinito (Prod.Scooby)

Esse foi um pouco da saga do Scooby sobre suas mixtapes temáticas, que abriram uma porta incrível para muitas pessoas que não fazem parte do rap conhecer a cultura, pois essas mixtapes atingem públicos totalmente diferente do habitual, fala tanto com o mais otaku quanto o mais rua. Parece que agora finalmente no Brasil estamos assumindo a identidade de que a Cultura Pop e o RAP sempre andaram lado a lado e artistas como Scooby, Nill, Eloy, entre outros estão trazendo um novo tipo de publico para dentro da cultura.

Então é isso e até a próxima! E Aguardem a Black Parte 2…

Carlos Alberto F Pirres

Sobre Carlos Alberto F Pirres

Futebolístico, Amante da cultura Geek e mestre dos #mimacher e dos #DESCUBRAS
Compartilhe:
comments
Carlos Alberto F Pirres
About Carlos Alberto F Pirres 466 Articles
Futebolístico, Amante da cultura Geek e mestre dos #mimacher e dos #DESCUBRAS

Deixe um Comentário

Your email address will not be published.


*